Encontrados corpos de vítimas de soterramento em Tupanciretã


Equipes de buscas seguem no local

Foto: Gabriel Haesbaert (Diário)
Bombeiros de Cruz Alta e Tupanciretã auxiliaram nas buscas

Equipes de bombeiros de Cruz Alta e de Tupanciretã encontraram, na tarde desta sexta-feira, os corpos das três vítimas do soterramento que aconteceu nesta manhã, em uma obra, em Tupanciretã. Por volta das 14h, o corpo de Luiz Fernando Barden Silva, de 26 anos (foto) foi o primeiro a ser encontrado pelas equipes de resgate. As outras duas vítimas foram identificadas como Ronaldo de Morais Esterys, de 29 anos, e Anderson Ricardo Leite, de 22 anos.

A perícia de Santo Ângelo deve chegar ao local ainda nesta tarde e identificar a causa da morte do jovem. As causas do desmoronamento também devem ser apuradas.A Polícia Civil de Tupanciretã e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também estão no local onde aconteceu o desmoronamento.

De acordo com Jacir Koglin Moreira, inspetor da Polícia Civil, neste primeiro momento as equipes trabalham no resgate para depois seguir com as investigações.

O CASO
De acordo com informações da Brigada Militar, os homens trabalhavam na construção de um silo para armazenar grãos em uma área que fica perto do Bairro Moraes. A terra que havia sido escavada desmoronou sobre três operários. Um quarto trabalhador, de acordo com a Polícia Civil, estava operando a máquina e não ficou ferido.

Uma empresa de Ibirubá teria sido contratada para construir o silo. Porém, o serviço de terraplanagem e de feitio da moega (espaço onde grãos são despejados) seriam terceirizados e estavam sendo feitos por uma empresa de Não-Me-Toque, onde Luiz Fernando trabalhava. Eles estavam desde o início da semana trabalhando em Tupanciretã, de acordo com o pai de Luiz Fernando.

Luiz Fernando nasceu em Santa Bárbara do Sul e morava em Não-Me-Toque. Ele é pai de uma menina de 9 anos.

Fonte: Diário de Santa Maria


Curta nossa Fan Page


Comentar com Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *