Obra de Acesso ao trevo da RS 377 é aprovado pelo Governo do Estado



Finalmente depois de anos e várias tentativas o acesso à RS 377(estrada do lixão), será asfaltada.

A informação foi repassada pelo presidente da Câmara de Vereadores, Celeni Viana.

De acordo com ele, a nova mesa diretora da Câmara e o Executivo acertaram com chefe da Casa Civil, Marcos Biolch, a confirmação  do convênio para realizar a pavimentação di trecho do asfalto na estrada que dá acesso ao trevos 377.  O secretário destacou que vai agilizar a execução do convênio.

img-20170110-wa0030

O grupo, em agenda na Capital, solicitou a obra que prontamente foi atendida pelo secretário que estava acompanhado da diretora de gabinete, a alegretense Cristiane Ferreira.
Em contato telefônico, a prefeita Cleni Paz confirmou o interesse e a participação no processo do executivo, pois é uma obra esperada há muito anos.
O presidente afirma que este é um exemplo de que uma Câmara unida e comprometida poderá fazer a diferença, pois a mesa em sua primeira medida oficial, consegue na presença do diretor geral do Daer Rogério Dias, o compromisso do chefe da Casa Civil, Márcio, o comprometimento de ser o estimulador desta ação.
“Agora é forçar e pressionar a assinatura e execução do convênio que tem aprovação legislativa há anos e o projeto pronto” comenta Celeni.

img-20170110-wa0031







Curta nossa Fan Page





Comentar com Facebook

5 comentários

  • JM

    Bla….Bla…Bla….Bla…Bla….Bla…Bla….Bla…Bla….Bla…

  • Elio

    Primeiro deveriam terminar a obra que ficou inacabada, com um monte de recursos público jogado fora,num triste espetáculo à incompetência e ao abandono, a RS 566.
    Como na Roma Antiga, pão e circo para o povo, neste caso só o circo.

  • Sandro Vargas

    Parabéns a todos os envolvidos, isso mostra que unidos, nossos representantes políticos, podem sim fazer muito pelo município!

  • João Batista Rodrigues Lopes

    Espero que não seja mais uma vez uma promessa vazia de políticos partidários que só querem um voto para apropriar-se do erário público, as comunidades do Passo Novo e IFFar agradecem

  • Tão rápido assim? O governo diz que não tem dinheiro, mesmo tendo a Yeda com um salário de mais de 60 mil, não parcelado, com professores que não recebem salários em dia e ainda levam trombada da polícia do Sartori

    Então semana que vem o dinheiro já vai estar na conta, é só começar?
    Fazinho, fazinho!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *