Sem alvará, 24 horas é fechado pela Brigada Militar



Estabelecimento comercial é fechado por falta de alvará de funcionamento, pelo Policiamento Comunitário Cidade Alta, na noite de domingo(10).

IMG-20160110-WA0079-2-1

O bar 24 horas funciona na rua Barão do Amazonas, e tem diversas denúncias de irregularidas,principalmente por perturbação da tranquilidade (som alto) e consumo de drogas ilícitas entre alguns dos frequentadores. De acordo com a policia comunitária Cidade Alta, um dos sócios foi conduzido ate à DP para efetuar o registro, pois não apresentou o alvará de funcionamento.

IMG-20160110-WA0080No local estavam mais de 25 pessoas e na revista pessoal foram encontradas com jovem de 21 anos 6.49 gramas de maconha e com outro de 19 anos um esmurrugador. Os dois foram encaminhados à Delegacia ouvidos e liberados. O responsável pelo local, disse que a documentação está em tramitação. A ocorrência atendida pelos soldados Sandro, Brum e Melo teve o apoio de uma guarnição do auxiliar de serviço externo, sargento Rodrigues.







Curta nossa Fan Page





Comentar com Facebook

13 comentários

  • marcelo

    fechar bar é fácil, quero ver a brigada militar fechar as boca de fumo de nossa cidade tudo o que ta dando certo na cidade querem fecha e a respeito do som dali se escuta som da praça e ninguém diz nada isso é um abuso de autoridade.

    • Li

      concordo com vc MARCELO…para se dar bem em Alegrete tem que ter costas quentes…pode ser até traficante…ladrão…mas ter costas quentes…
      mas trabalhador honesto só toma na …

  • carla

    por isso que Alegrete não cresce, tudo que esta bombando querem fecha, que mentalidade tem essa cidade.

  • timoteo

    som alto tem na praça, e ha alguma fiscalização não estranho todo mundo em cima de um bar, porque será.

  • dodo

    A brigada militar tem poder de fechar alguma coisa caberia a prefeitura estranho isso.

  • Paulo Renato Oliveira Gonçalves

    Acho que a Prefeitura deveria limitar o nº máximo de estabelecimentos na cidade de certas atividades que por sua natureza, tipo de mercadoria ou forma de funcionar, oferece risco . Dessa forma, estará desestimulando empreendimentos que comprometem a segurança. Sabemos que as pessoas precisam trabalhar, mas que escolham atividades que não causem danos e/ou transtornos à vizinhança, comunidade e autoridades, prevenindo assim muitos males.

  • suelen

    se ta perturbando tem q fechar mesmo!se muito buteco q amanhece com beberagem nas vilas tbm ,teriamos menas mortes por desocupados muitos menores,pai de familha nao ta la bebendo e fumando maconha!!!!a brigada militar deveria fazer mais isso!!!e a fiscalizaçao da PMA tb se vc esta sendo incomodado tbm ligue chame isso e um direito seu trabalhador!!!!!

  • cesar

    A brigada não pode fechar, Aliás, os empreendedores podem ajuizar a ação de indenização não só contra a municipalidade, mas também contra a autoridade responsável pelo ato.

  • Emily Alende

    Nao acredito que abrir um bar 24h seja empreendedorismo ja que existem 2 semelhantes na mesma rua. Alegrete precisa sim de empreendedores para a educaçao e saúde.Pessoas com senso critico. Olha esse estabelecimento causou muitos danos sim no sossego de trabalhadores da vizinhança. Nem vou citar a baberna ou os danos no património alheio.
    Só acho que pessoas que trabalharam por 30 e ate 40 anos merecem um pouco de respeito pois conquistaram sua casa trabalhando honestamente.

  • Elio

    Estranho BM fechando estabelecimento comercial.
    Existe um critério muito estranho para liberalização e funcionamento comercial em Alegrete.
    Alegrete, segundo o senso, diminui sua população ano após ano, muito disso se deve a falta de perspectiva de trabalho,
    ainda assim existe mentalidades retrogradas que sempre querem atrapalhar quem quer trabalhar honestamente.
    Quando prendem um ladrão, traficante ou gangues são liberados sem maiores problemas mas, quando resolvem atrapalhar quem quer trabalhar fecham estabelecimento, ou seja, quem trabalha é sumariamente condenado.
    Talvez isso só mude quando mudar a mentalidade política local, onde basta ser filho,parente ou apadrinhado de algum figurão local que logo é alçado a condição de candidato a PREFEITO. Talvez meu comentário seja censurado…

  • 90 % DESSES COMENTARIOS, PELO JEITO SAO FREQUENTADORES DESSE LOCAL……

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *