Violência obstétrica: o que dizem mães e profissionais da saúde de Santa Maria




Na última terça, protesto chamou a atenção para casos denunciados na Justiça

As práticas denunciadas podem ser tão antigas quanto a ocorrência de partos em ambiente hospitalar. Mas, a polêmica expressão violência obstétricaainda soa abstrata, generalista e tem definições dissonantes para muitas pessoas, sejam elas técnicos da saúde ou quem se considera vítima.

Na última terça-feira, um protesto foi realizado de Santa Maria para pedir Justiça aos casos que tramitam no judiciário de Santa Maria e debate em torno do tema. O Diário ouviu mães e familiares que denunciam casos de violência obstétrica, profissionais da saúde, de órgãos policiais, representantes do Ministério Público e da Justiça, entre outros, para tentar jogar luz ao tema. Confira abaixo as opiniões e os casos.

>> CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A REPORTAGEM COMPLETA <<<

Fonte: Diário de Santa Maria





Curta nossa Fan Page





Comentar com Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *