Alegrete realizou lançamento regional do Dia do Desafio 2018

Na tarde de terça-feira (15), Alegrete deu largada para mais uma edição do Dia do Desafio. O lançamento regional reuniu no auditório da Superintendência Regional do Sicredi, representantes das cidades de Alegrete, Barra do Quaraí, Capão do Cipó, Dona Francisca, Faxinal do Soturno, Formigueiro, Itaqui, Ivora, Julio de Castilhos, Maçambara, Manoel Viana, Pinhal Grande, Quaraí, Quevedo, Rosário do Sul, Santa Margarida do Sul, Santa maria, Santana do Livramento, São Borja, São Francisco de Assis, São Gabriel e Uruguaiana.

 

O evento tinha por objetivo estimular os gaúchos a mudarem os seus hábitos começando por alterar a rotina no próximo dia 30 de maio, por, pelo menos, 15 minutos consecutivos, a realizarem qualquer tipo de atividade física entre a zero hora e 20h do dia.

Logo no hall de entrada, uma atividade já desafiou os participantes: o tradicional jogo de sapata, fazia jus ao logo do DDD, “Você se mexe e o mundo mexe junto”.

A solenidade contou com a presença da prefeita Cleni Paz, do prefeito de Manoel Viana Gustavo Costa Medeiros, Aspirante Cosmi, representando o Comandante Major Valim da 12ª Cia Com, Secretário Municipal de Esportes Gabriel Feijó, Presidente do Sindilojas de Alegrete Manoel Viana  Roberto Segabinazzi, Diretor Executivo do Sicredi Leandro Gindri e gerentes dos Sesc dos municípios da região.

A gerente do Sesc Alegrete Cláudia da Costa Rizzatti, deu as boas vindas e reiterou a importância de mobilizar as cidades para o DDD 2018.

Já o presidente do Sindilojas Roberto Segabinazzi, convocou empresários, escolas e comunidade de Alegrete e Manoel Viana, a participarem no próximo dia 30, do Dia do Desafio.

O prefeito da vizinha cidade de Manoel Viana Gustavo Medeiros prevê nesta edição, uma maior mobilização da comunidade e agradeceu o empenho do Sesc, em realizar e promover diversas atividades culturais e esportivas na cidade.

A prefeita Cleni Paz, mencionou a importância do município em participar do confronto saudável e mais uma vez conclamou a comunidade a prestigiar e participar do desafio.

Durante o lançamento em Alegrete, o atleta deficiente visual Alexandre Rosa e o maratonista santanense Nidgie da Silva, participaram de uma super conversa de superação, onde cada um deles contou um pouco da sua história de vida.

“A corrida me tornou um outro ser humano. Me ensinou a superar a deficiência e hoje consigo vencer todos os obstáculos”, destacou Rosa. O bate-papo sobre os desafios da vida, contagiou os participantes.

“Não me considero um atleta de elite. Mas consegui atingir todos meus objetivos. Se eu consigo, vocês também vão conseguir”, exemplificou o primeiro brasileiro e quinto colocado na meia maratona internacional de Montevidéu e campeão geral do Circuito Secs 2017, Naisson Nidgie da Silva Pinheiro.

O militar de Santana do Livramento narrou sua trajetória vitoriosa e falou do seu trabalho voluntário com outros atletas. Com uma plateia satisfeita, o lançamento ainda teve um aulão de “alto impacto”, com os educadores físicos do Sesc Alegrete. Um coquetel super saudável brindou os desafiantes ao final da atividade.

Em 2018, são mais de 3 mil cidades do Continente Americano e no RS serão 492 municípios participantes do DDD.

Para incentivar ainda mais essas comunidades do interior, o Sesc/RS reuniu representantes de cidades em eventos realizados em Bagé, Ijuí, Carazinho, Caxias do Sul, Venâncio Aires, além de Alegrete, para motivar ainda mais as pessoas se movimentarem e ocuparem os espaços públicos e de convivência social.

O Dia do Desafio é realizado sempre na última quarta-feira do mês de maio. A data propõe que as pessoas interrompam suas atividades rotineiras e pratiquem, por pelo menos 15 minutos consecutivos, qualquer tipo de atividade física. Criado no Canadá, o evento é difundido mundialmente pela The Association For International Sport for All (TAFISA), entidade de promoção do esporte para todos, sediada na Alemanha. É uma campanha de incentivo à prática regular de atividades físicas em benefício da saúde.

A ação acontece em forma de competição saudável entre duas cidades. O município que mobilizar mais pessoas em relação ao número oficial de habitantes vence. Neste ano, o evento tem algumas novidades como, por exemplo, o tempo de duração dos confrontos entre as cidades. Agora, as disputas saudáveis são de três anos, assim se pretende proporcionar uma maior troca de experiências das ações de esporte e lazer entre os municípios. Alegrete mede forças saudáveis contra a cidade mexicana de Absolo.

Júlio Cesar Santos

Compartilhar

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*