Alegrete vive o drama de mais uma grande enchente

Um caos sem precedentes neste início de ano. A cidade está vivendo um momento semelhante ao que foi no Natal de 2015. São inúmeras casas atingidas em todas as regiões da cidade.

Nas zonas ribeirinhas a maioria das casas já estão embaixo d’água. Nesta manhã, às 9h a última medição era de 11,84m acima do normal. A preocupação é de que o acumulado de chuva é muito expressivo passa dos 300mm, nestes últimos dias, e a chuva não para.

A reportagem passou por alguns locais e a retirada de móveis é intensa. No bairro Santo Antônio uma jovem estava apavorada pois a água invadiu a casa e ela não conseguiu salvar muita coisa: “queria tirar minha geladeira” – falou.

Mais de 100 famílias já foram auxiliadas na remoção de suas casas pela DC e Unidades Militares.

As equipes de trabalhos definidas na tarde de ontem(9), depois de uma reunião emergencial, reiniciou o trabalho nesta manhã. O Prefeito Márcio Amaral decretou Situação de Emergência por inundação. A ação para ajudar as famílias continua intensa neste dia.

A Defesa Civil ressalta que neste momento é importante a ajuda voluntária da comunidade alegretense para o auxílio no transporte das pessoas.

Os acompanhamentos e retiradas de famílias foram feitos em vários bairros. E o mais alarmante é que a chuva não para, o nível do Rio continua subindo, e ainda tem o escoamento das águas na sua nascente, em Santana do Livramento, onde foi registrado um elevado volume de chuva, mais de 300 mm.

O trânsito em várias ruas já foi bloqueado e, conforme o Secretário de Segurança e Mobilidade Urbana Luciano Pereira, a ponte Borges de Medeiros terá o trânsito bloqueado a partir dos 13m.

Flaviane Antolini Favero

Compartilhar

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*