Bebê que caiu de 40 metros no RJ tem parada cardíaca e é reanimado

Yure Costa continuava internado no Hospital da Posse nesta segunda.
Mãe foi indiciada por lesão corporal culposa.

 

O bebê de um ano e três meses que caiu da janela do quinto andar de um prédio no Centro deNova Iguaçu, na Baixada Fluminense, na madrugada deste domingo (1º) continuava internado no Hospital da Posse na manhã desta segunda-feira em estado gravíssimo. De acordo com informações da assessoria de imprensa do hospital, Yure Ramos da Costa teve uma parada cardíaca e precisou ser reanimado.

Como mostrou o Bom Dia Rio, a queda foi de aproximadamente 40 metros. Os pais do bebê vão prestar depoimento nesta segunda. A mãe foi indiciada por lesão corporal culposa – a pena é de um a cinco anos de prisão.

O bebê estava em um sofá antes de cair pela janela. Ele estava sob os cuidados de um menor de 16 anos – que, segundo testemunhas, acabou dormindo. O bebê sofreu várias fraturas pelo corpo e foi levado em estado grave para o hospital.

Vizinhos contaram que a mãe da criança tinha ido uma casa de shows com uma amiga, que é a dona apartamento, e as duas retornaram às 7h.

“Queria sair, procurasse um adulto, deixasse com um adulto, uma pessoa responsável, realmente responsável, não com uma outra criança. Quando eu vi aquele corpinho no chão, é uma imagem que eu nunca vou esquecer na minha vida”, falou a dona de casa Alessandra Rosa.

Amigos da família criticaram a ausência de um médico especialista para atender o bebê. “Eles iam tentar transferir o garoto de helicóptero só que isso aí também não foi feito. O garoto continua lá no Hospital da Posse e nada foi resolvido”, disse o rodoviário Zildemar Afrânio.

A direção da unidade afirmou ainda que a criança foi atendida por médicos especialistas assim que deu entrada no hospital.

As investigações do caso estão sendo conduzidas por policiais da 52ª DP (Nova Iguaçu).

 

Fonte: G1

Compartilhar

Curta nossa Fan Page

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.