Bombeiros do RS viajam a Minas Gerais para ajudar nas buscas em Brumadinho

Cinco homens e quatro cães embarcam na próxima sexta-feira (1º). Viagem foi confirmada pelo comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar do estado.

Equipes do Corpo de Bombeiros do Rio Grande do Sul viajam na próxima sexta-feira (1º) a Brumadinho para ajudar nas buscas aos desaparecidos após o rompimento da barragem da Vale. A informação foi confirmada pelo comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar do estado, coronel César Eduardo Bonfanti.

“Vai ser sexta-feira, a princípio, pela parte da manhã. Está vindo um voo de Brasília, e nós só vamos confirmar horário”, afirma o comandante.

O pedido foi feito pelos bombeiros de Minas Gerais. Bonfanti explica que há necessidade de troca de efetivo, por isso a ajuda de outros estados é solicitada. Segundo ele, o treinamento da corporação é padrão em todos os estados.

Serão enviados três homens e dois cães farejadores de Santa Maria, Região Central, e dois homens e dois animais de Porto Alegre. O grupo ficará na cidade mineira por dez dias. Conforme o comandante, os cães são treinados para encontrarem restos mortais. O desafio para as equipes, no entanto, será grande.

“O tipo de ocorrência é uma novidade para a maioria dos estados com exceção de Minas. É uma ocorrência diferente, esperamos que nunca aconteça aqui”, diz Bonfanti.

Na última segunda-feira (25), os trabalhos completaram um mês. De acordo com balanço divulgado pela Defesa Civil na terça (26), 130 pessoas seguiam desaparecidas nos rejeitos espalhados da barragem 1, da Mina Córrego do Feijão, e 180 mortes foram confirmadas.

O comandante relata que, logo após a tragédia, o governador colocou equipes a disposição de Minas. A ajuda, no entanto, só foi solicitada agora. Outros estados já colaboraram nas buscas ao longo do primeiro mês.

ROMPIMENTO DE BARRAGEM EM BRUMADINHO

Fonte: G1

Compartilhe
  • 24
  •  
  •  
  •  
  •  
    24
    Shares
Curta nossa Fan Page

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*