“Careca” ameaça e agride companheira na Cidade Alta

No dia 14 mais um caso de violência doméstica com lesão corporal resultou em prisão em flagrante. Vulgo Careca, de 35 anos, foi preso pela Brigada Militar num beco próximo à Avenida Liberdade.

Conforme registro policial, a vítima de 23 anos, foi agredida com dois tapas no rosto. O relacionamento durou um ano e três meses e o casal tem um filho de três meses. A versão da mulher é de que o companheiro passou o dia inteiro bebendo cerveja e no início da noite começou a ofender a vítima, afirmando que a mulher teria um caso com o padrasto.

Ela negou a relação e foi agredida pelo homem que ameaçou de morte a companheira e o padrasto. A Brigada Militar chegou ao local e encontrou o acusado agitado. Os policiais imobilizaram o homem e algemado foi apresentado na DP.

Em depoimento, a vítima confirmou as agressões e disse que foi a primeira vez que foi agredida. Ela pediu medidas protetivas e vai representar criminalmente contra o pai de seu filho.

O Delegado Valeriano Neto, arbitrou uma fiança de 5 mil. “Careca”, passou a noite numa cela da DP, e na sexta-feira (15), pela manhã foi levado ao Presídio Estadual de Alegrete, onde aguarda decisão da Justiça.

Compartilhe
  • 222
  •  
  •  
  •  
  •  
    222
    Shares

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*