Denúncia contra Secretaria de Promoção Social está na comissão de Justiça e Redação da Câmara

A sessão ordinária da Câmara de Vereadores na terça-feira, 22, foi marcada pela presença de servidores da Secretaria de Promoção Social e outros da Prefeitura.

Depois da denúncia ao Ministério Público, por uma conselheira do Conselho de Assistência Social, de que verbas da Secretaria estariam sendo usadas ou destinadas de forma irregular a pauta chegou à Câmara.

A primeira secretária da Casa, vereadora Miriam Suhre leu o relatório apresentado por Luciane Marques.

O documento que aponta as possíveis irregularidades solicita o indiciamento, por improbidade, do Prefeito Márcio Amaral e da Secretaria Iara Caferatti foi encaminhado para análise e parecer da Comissão de Justiça e Redação.

Na tarde do mesmo dia, a Procuradoria do Município emitiu uma nota esclarecendo de que as contas de 2017, da Secretaria haviam sido aprovadas pelo Conselho Municipal de Assistência Social .

Compartilhe
  • 60
  •  
  •  
  •  
  •  
    60
    Shares

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*