Detento do semiaberto agride ex-apenado na Praça Getúlio Vargas

Dois indivíduos com extensas fichas criminais são detidos, pela Brigada Militar, depois de uma briga no centro da Praça Getúlio Vargas.

2016-04-23 19.14.29

Informações dão conta que, um morador de rua de 35 anos, ao avistar a guarnição que estava em policiamento ostensivo, relatou que havia sido agredido com uma paulada na cabeça. O acusado de 41 anos, segundo ele, teria saído em direção ao Centro Cultural.

20160423_145357-1

Os policiais localizaram o homem, que foi reconhecido pela vítima, nas imediações da Estação Rodoviária. Ao ser abordado foi identificado como sendo detento do regime semiaberto. Ele está nesta condição desde que a cela, no Presídio local, pegou fogo há mais de um ano.

20160423_144631

Os dois foram encaminhados à UPA, onde o plantonista atestou que havia uma lesão de 5cm na cabeça do morador de rua, natural de Rosário do Sul e ex-detento. Há 15 anos ele está em Alegrete.

20160423_145135-1

Encaminhados à DP, foram ouvidos e liberados. Não ficou esclarecido o motivo da agressão.

Dentre os vários crimes relacionados um tem passagem por estupro e o outro homicídio.

 

 

Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

5 Comentários

  1. Isso indigna qualquer cidadão do bem, sempre alegam os direitos humanos, mas e os nossos direitos como ficam? Sim pq esses dois indivíduos aí estão protegidos oor uma lei. Mostra a cara para ao menos a população saber de quem se trata pois um é estrupador e outro homicida simples assim, isso é revoltante.

  2. parabéns a brigada militar pelo trabalho que esta fazendo na cidade,identificando e prendendo , os meliantes, só que a lei ampara o banditismo, e foi só um corte na cabeça, foram liberados na condição que a próxima vez que se encontrarem um não sobreviva, até porque o presidio não tem mais lugar, e o presídio novo como estão as obras??? a bela praça da juventude esta quase pronta, a pista de eventos também, a av do regalado ???, ah não vão esquecer que tem que construir um novo cemitério o nosso esta lotado, ou quase,não tem ossário sobrando esta foi a informação que tive quando da retirada dos restos do meu pai agora em janeiro.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*