É grave o estado de saúde de mulher que foi brutalmente agredida pelo irmão

A dona de casa de 28 anos estava em sua residência no bairro José de Abreu, na companhia de uma irmã, cunhado e sobrinho, quando o irmão de 36 anos chegou no local com um facão na cintura e teve um desentendimento com a proprietária da casa.

santa casa

Assim que chegou no local, entregou o facão para o cunhado, mas durante a briga o acusado pegou bruscamente das mãos do homem e acabou atingindo o rosto do sobrinho que estava perto. A tia saiu em defesa da criança e pediu para que ele tivesse mais cuidado. Furioso com a atitude da irmã, desferiu vários “pranchaços” e golpes, que a atingiram na cabeça e braços. Um deles resultou em corte profundo no braço direito da irmã. Ela foi encaminhada à Santa Casa por uma vizinha, onde passou por cirurgia e permanece na UTI e seu estado de saúde é considerado grave. O golpe atingiu tendões e veias.

A discussão teria sido motivada por uma colher de chá, em que o agressor alegava ser de ouro e teria sumido.

De acordo com informações, o agressor é usuário de drogas e ex-detento. A Brigada Militar foi acionada. O comunitário Zona Leste esteve na casa e não encontrou o facão utilizado. O homem fugiu e até o momento também não havia sido localizado.

A violência aconteceu no início da madrugada de domingo(24).

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *