Espetáculo de dança celebra cultura e religião africana em Pelotas


Dança dos orixás foi apresentada na Charqueada São João, às margens do Arroio Pelotas. Encenação ocorreu em alusão ao dia dos pretos-velhos, celebrado neste domingo (13).

Um espetáculo de dança celebrou a cultura africana na noite deste domingo (13) em Pelotas, no Sul do Rio Grande do Sul. A dança dos orixás foi encenada em alusão ao dia dos pretos-velhos, que são entidades espirituais que viveram na época da escravidão, de acordo com a religião umbanda.

A ideia da coreografia era resgatar o legado da cultura de um povo que começou a se formar a partir do século 18.

“Eles conseguiram trazer a sua religião e fazer com que o Brasil todo tivesse acesso às religiões de matriz africana”, afirma o organizador do espetáculo, Daniel Amaro.

Muitos africanos e descendentes nascidos em outras regiões do Brasil foram trazidos ao Sul para serem escravizados. Mesmo com todo o sofrimento que marcou a época, a apresentação quis dar visibilidade aos costumes e crenças que esse povo trouxe para Pelotas.

A Charqueada São João foi o palco do evento. Os bailarinos dançaram em frente à senzala. Nesse local ficavam os escravos que trabalhavam e eram torturados.

“O espetáculo conta um pouco da história de Pelotas e resgata, principalmente, a história aqui das charqueadas, que é um lugar, assim, não muito bem visto, que o pessoal tem meio um receio de visitar. E trazer o espetáculo aqui pra dentro, esse espetáculo nascer aqui dentro, é uma forma da gente ressignficar esse lugar”, considera o bailarino João Cruz.

Durante cerca de uma hora, a apresentação encantou e emocionou o público. “É muito emocionante. É como a gente voltar às raízes”, diz a agente comunitária de saúde Alexandra Lopes.

Encenação celebrou a cultura africana e lembrou os pretos-velhos, da religião umbanda (Foto: Patrícia Porciúncula/RBS TV)

Encenação celebrou a cultura africana e lembrou os pretos-velhos, da religião umbanda (Foto: Patrícia Porciúncula/RBS TV)

Fonte: G1

Compartilhar

Curta nossa Fan Page

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*