GAPAA amplia conhecimento para melhor atender autistas

Cinco palestrantes, quatro de Santa Maria e uma psicóloga de Florianópolis, todos com renomado currículo, estiveram em Alegrete no último final de semana para falar sobre Autismo.

O Seminário promovido pelo Grupo de Apoio de Amigos e Pais de Autistas de Alegrete -GAAPA é mais um trabalho com objetivo de formação e para ampliar conhecimento aos profissionais da educação e outras áreas aqui do Município.

Sabrine Pivetta Cassol falou sobre comportamento socioemocional  e autismo; Daniel Pendenza abordou música e autismo; Gabriel Lehnhart -autismo -características e contextualizações; Josie Brum Bertaz que abordou Educação Especial e Autismo: possibilidades de intervenção em diferentes contextos e Lincoln- acolhimento e abordagem autista.

A presidente, Ana Brasil, falou que o objetivo é trazer mais conhecimento e aperfeiçoamento na área da educação e saúde. “Precisamos que os profissionais dessas áreas estejam preparados para que o atendimento seja de acordo com o que necessitamos. Alegrete é carente, não tem plano específico para receber os autistas, na saúde e na educação, o atendimento necessita melhorar muito”- citou.

Ela falou ainda que temos que trazer cursos e fazer com que os envolvidos aprendam mais e mais sobre o Autismo, para saber lidar com essas pessoas que já são mais de 300 diagnosticados em Alegrete.
– A nossa luta depois de conseguirmos atendimento com Neuropediatra, aqui em Alegrete, é buscar um centro de atendimento ao autista com uma equipe multidisciplinar.

 Vera Soares Pedroso

Compartilhar

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*