Ginete alegretense é o melhor brasileiro em 4 dias do Rodeio Internacional do Prado

A cidade uruguaia de Montevidéu respira o 94ª Semana Crioula do Prado. O Rodeio Internacional do Prado reúne os melhores ginetes do Brasil, Argentina e Uruguai por pêmios de até US$ 60 mil.

O ginete alegretense Alex Silva, o Lelé como é conhecido fez tremular a bandeira brasileira em um dos maiores rodeios da América Latina.

Na última terça-feira (16), no quarto dia de competição deu a volta de honra na arena. A volta é concedida ao ginete que faz a melhor monta do dia. O feito foi comemorado pelo alegretense, que tinha como sonho fazer a volta de honra no Prado. Alex Silva, concedeu até entrevista para TV Ciudad, que transmite o evento em tempo real.

Na classificação até terça, no quarto dia de evento, a liderança é do ginete Carlos Benia (14,00). Lelé somou 8,50 e figurou na 5ª colocação, é o melhor brasileiro no Prado.

No primeiro dia o ginete alegretense caiu e vem se recuperando dia a dia. Se a partir de agora parar no lombo dos cavalos, a tendência é de encerrar o rodeio entre os cinco melhores.

Ainda faltam cinco montarias e a esperança de Lelé, é grande. “Tomara que vamos assim, até o fim”, comentou Lelé, em entrevista pelo aplicativo WattsApp.


O rodeio no Prado reúne cinco ginetes de cada país (Brasil, Argentina e Uruguai), os 15 montam durante os oito dias, de domingo a domingo. Além da peleia internacional, a competição reserva montaria em basto oriental e crina limpa só para ginetes do Uruguai. Em cada disputa, os cavaleiros acumulam pontos e, ao término da semana, os campeões serão premiados.

Júlio Cesar Santos Fotos: Reprodução

Compartilhe
  • 888
  •  
  •  
  •  
  •  
    888
    Shares

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*