Morre Japur,último comerciante libanês em Alegrete

O último comerciante libanês de Alegrete, Japur de Japur, morreu aos 94 anos.

Ele manteve por anos, comércio de varejo na Vila Nova e de atacado na Gaspar Martins- sendo muito conhecido na cidade. Japur deixa os filhos Roberto e Leandro, nove netos e sete bisnetos.

As últimas homenagens estão sendo prestadas na Angelus da Dr Lauro e o sepultamento será às 17h desta sexta-feira.

Japur foi um homem que ficou marcado pela generosidade e bondade para com as pessoas e o modo simples que lhe era caracteristico. Deixa um legado de ajuda e amizades cultivadas em seus 94 anos de vida. Era o último Libanês vivo em Alegrete.

Japur chegou no Brasil em 1951 trabalhando por um tempo de país em país para pagar a passagem de navio que era o que existia naquela época. De São Paulo veio para Alegrete onde seu tio que possuia grande comercio na epoca o senhor Fiad Japur mais conhecido como Joao Pessoa lhe deu as primeiras mercadorias para sair a vender como mascate no interior do municipio. Em 1954 casou se com Edite de melo japur da qual teve dois filhos Roberto japur e Leandro japur matrimonio que. Durou 58 anos ate o falecimento em 2012 de sua esposa.

Um homem que ficou marcado pela generosidade e bondade para com as pessoas e o modo simples que lhe era característico. Deixa um legado de ajuda e amizades cultivadas em seus 94 anos de vida.Era o ultimo Libanes vivo em Alegrete que veio da sua terra natal.

Compartilhe
  • 803
  •  
  •  
  •  
  •  
    803
    Shares

2 Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*