Morre vaca atacada por cães

Vaca holandesa, prenhe de sete meses, nãos resistiu e depois de uma semana morreu. Ela foi atacada por cães soltos que circulam pelo Canil

VACA MORTA.jpg 1

O ataque de cães, segundo os donos do animal, os produtores Leonel Acosta e esposa Janete, na localidade da Jacaraca, foi na última quinta-feira, dia 24 de julho.

Segundo eles, a vaca  foi atacada por cães que circulam soltos pelo Canil Municipal, que fica próximo da propriedade do casal.

VACA-JANETE.jpg 2_

Durante uma semana tentaram de tudo para salvar a vaca que estava prenhe de sete meses e, também o terneiro que já estava totalmente formado.

O prejuízo foi de cerca de R$ 6 mil reais, já que vacas holandesas criadas especialmente para produção de leite são muito valorizadas, explica Janete. – Não é a primeira vez que isso acontece, e vamos tomar as medidas legais. Imagina, somos médios produtores, trabalhamos desde o amanhecer e somar um prejuízo destes é muito triste, além de ver o sofrimento do animal e do filhote”.VACA MORTA

Fotos: Janete Toscani Acosta

 

O QUE DIZ A VIGILÂNCIA

O Canil Municipal é de responsabilidade do setor de Vigilância Sanitária da Prefeitura Municipal

Os cães do Canil, de acordo com Elen Martins da Costa, responsável pelo Setor ficam presos. Ela disse que estes animais que estão soltos não são do Canil. – Infelizmente muitas pessoas soltam animais à beira das estradas, descartam seus cães. E, por sobrevivência, eles vão atrás de onde possam encontrar alimento e circulam pelo Canil ou nas cercanias do local, salienta.

– Já tentamos capturá-los, mas são animais ariscos. Hoje temos veterinária e alimento com ração aos cães que estão no Canil Municipal, confirma Elen, se referindo às melhorias. Também sabemos que tem muito a fazer, mas estes cães que atacaram a vaca são animais que estão soltos e circulam pela região e não estão no Canil”.

Elen fala que para conscientizar as pessoas sobre a posse responsável, de que não descartem animais em estradas, a Vigilância Sanitária está, desde abril deste ano, com o Projeto-Amigo Bixo em escolas de Alegrete.  A veterinária Tanise Motta explica aos estudantes e professores sobre a importância da posse responsável e os cuidados que os donos devem ter com seus animais.

REALIDADE

Ela citou um  fato que aconteceu esta semana, em que a Vigilância foi chamada para recolher uma cadela que está no cio e estava na área do Pronto Socorro, causando um transtorno. O animal tem dono, e quando a equipe chegou lá para recolhê-la, a dona apareceu e a levou para casa.

Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Curta nossa Fan Page

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*