Ocupantes de área no Bairro Maria do Carmo ignoram orientação da Prefeitura Municipal e constroem no local

Desde o último dia 1º de abril, oito famílias estão acampadas numa área no bairro Maria do Carmo. Em entrevista ao PAT eles disseram que os 20 terrenos estavam abandonados e que se todos os proprietários que fossem ao local, realizassem a limpeza e a demarcação, os terrenos não seriam ocupados.

Depois da veiculação da matéria, no último dia 8, alertando que eles estariam aguardando os donos, na tarde de ontem(15), os integrantes do movimento entraram em contato com a redação e salientaram que 12 proprietários foram até a área. Cinco proprietários durante o final de semana fizeram a demarcação e a limpeza dos terrenos.

De forma voluntária e conjunta, através de doações, os ocupantes já construíram uma casa. De acordo com Carina Pilecco, ela estava morando há 15 dias numa barraca com os dois filhos. Recém separada, saiu de casa por necessidade devido as más condições de vida com o ex- companheiro. Ela disse que estava muito comovida com a ajuda de todos. “Pelo menos agora tenho um teto para meus filhos”.

Sempre há pessoas no local. À noite eles se organizam e o jantar é comunitário. A roupa é lavada com o apoio de vizinhos que emprestam tanque e sabão. A comunidade também ajuda na alimentação.

Na manhã desta segunda, os ocupantes, também, estiveram novamente na Prefeitura, mas não conseguiram falar com o Prefeito Márcio Amaral.

As pessoas que estão no local disseram que não vão sair da área. “Se estes terrenos têm donos, eles vão aparecer, mas enquanto isso não acontecer vamos permanecer e construir” – declararam.

A primeira casa foi feita em dois dias com o apoio de todos. A mãe e os dois filhos que estão residindo no local não tinham condições de pagar aluguel. “Não poderíamos deixá-la desamparada.” – disse uma das ocupantes.

O Secretário de infraestrutura, Jetter de Souza, já havia explicado que a doação da área foi realizada ainda pela Prefeita Cleni Paz. Que as pessoas estão dentro do prazo para construção. Que essas pessoas já foram notificadas para desocuparem o local.

Compartilhe
  • 74
  •  
  •  
  •  
  •  
    74
    Shares

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*