Policial militar persegue, a nado no Ibirapuitã, indivíduo que jogou pacote no pátio do Presídio


Na tarde de quinta-feira(11), mais uma cena que denota o quanto a Brigada Militar de Alegrete desenvolve um trabalho eficiente e atua sempre em prol da comunidade e, se necessário coloca a própria vida em risco. Neste caso, o policial militar Áquila, é experiente e preparado para a ação devido aos 9 anos como Salva-vidas.

Ele atravessou o Rio Ibirapuitã a nado atrás de um indivíduo que arremessou um pacote para o interior do pátio do Presídio Estadual de Alegrete. Assim que jogou a “encomenda”, o homem correu para o interior do pátio do Parque Porto dos Aguateiros. O policial que estava nas imediações no patrulhamento ostensivo na ROCAM (Rondas Ostensivas Com Apoio de Motos), recebeu a informação e se deslocou para o local. Quando ele chegou o acusado estava quase do outro lado, imediatamente, soldado Áquila entrou na água e foi ao encalço do indivíduo. As outras guarnições de serviço também, auxiliaram e fizeram cerco. O Policial Militar, soldado Áquila, mesmo com a dificuldade de estar fardado, calçando coturnos e usando equipamentos pesados, manteve a perseguição ao suspeito apesar da correnteza forte e a água gelada. “A prisão não foi possível, mas mesmo assim a Brigada Militar mostra aos delinquentes que em qualquer terreno eles não terão vida fácil, pois sempre haverá um Brigadiano mantendo a perseguição e fazendo todo o possível para efetivar uma prisão”- enfatizou Tenente Nei.

(vídeo policial no Rio Ibirapuitã)

Em Alegrete cinco policiais militares também são salva-vidas e trabalham nas Operações Golfinho. Eles já estão se preparando e realizando treinamentos. A partir do próximo mês, os treinamentos se intensificam ainda mais. O soldado Áquila que entrou na água, durante perseguição do criminoso, tem 12 anos de Brigada Militar, destes 9 como salva-vidas. Neste período já realizou mais de 50 salvamentos. Ele fica sempre lotado em Torres. Em janeiro deste ano foi responsável, juntamente com os colegas por salvar um homem que estava se afogando, mas o diferencial foi o tamanho e o peso do senhor. Muita técnica, experiência aliados ao condicionamento e a agilidade dos policiais o resgate foi um sucesso.

(Vídeo policial no salvamento em Torres, janeiro deste ano)

Além do soldado Áquila, Clímaco, Nunes, Ângelo e Marcos.

 

Compartilhar

Curta nossa Fan Page

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*