Preso suspeito de matar mulher a facadas dentro de casa em Santa Maria

Delegada diz que homem, que era companheiro da vítima, não resistiu à prisão. Crime foi registrado em 4 de março.

O homem que era procurado após a morte da companheira dele em Santa Maria, na Região Central do Rio Grande do Sul, foi preso preventivamente nesta quarta-feira (13) na cidade de Jari. O crime ocorreu no dia 4 de março. Quelem de Medeiros da Rosa, de 30 anos, foi atingida com golpes de faca no peito e nas costas.

A Polícia Civil aponta que ele cometeu feminicídio. Delegada responsável pelo caso, Elizabeth Shimomura diz que o homem ainda será ouvido formalmente na delegacia de Tupanciretã, para onde foi encaminhado.

O pedido de prisão preventiva à Justiça partiu da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) de Santa Maria, onde o crime aconteceu.

De acordo com a delegada, a vítima havia registrado ocorrência contra o companheiro em 2003. Ela acrescenta que a última medida protetiva concedida à Quelen havia expirado em agosto de 2018. O casal ainda estava junto.

No dia do crime, policiais militares foram até a casa dos dois durante a madrugada. A Brigada Militar informou que, ainda ferida, a mulher conseguiu sair da residência e gritar por ajuda, mas não resistiu e morreu na via pública.

Vizinhos relataram que o suspeito teria deixado a casa logo depois, levando a filha do casal, de dois anos de idade.

A criança foi localizada pela polícia no dia seguinte ao crime, com um familiar. Ela estava bem.

Homem foi preso pela morte da companheira em Santa Maria — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Homem foi preso pela morte da companheira em Santa Maria — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Fonte: G1

Compartilhe
  • 41
  •  
  •  
  •  
  •  
    41
    Shares

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*