Produtor rural do Rincão de São Miguel coloca placa indicando todos os estabelecimentos de corredor

A surpresa colocada no último sábado (8), na entrada de um corredor distante 30 km do centro da cidade, chamou atenção de muitas pessoas que elogiaram a ação.

O Corredor Maneco Pereira, no 8° Subdistrito, ganhou uma placa na entrada do corredor indicando todas as localidades existentes, até a margem do Rio Ibirapuitã. A iniciativa partiu do produtor rural, Cícero Peres Pereira, em homenagem ao seu avô e os moradores do Maneco Pereira.

“Está placa é muito importante para os lavoureiros , pois sempre vêm caminhões com adubo, calcário e demais insumos. Vai ser útil para orientá-los na localização da granja ou fazenda onde vai ser entregue a carga. Também para os boiadeiros que vão embarcar e desembarcar gado, ovelhas e cavalos nas nossas fazendas”, explica o autor da placa que recebeu centenas de elogios pelas redes sociais.
Bem humorado, o produtor disse que não tem facebook e pediu para cada um de seus amigos postarem o feito. Disse que é do tempo do orkut.
Um detalhe que chama atenção na placa, além da visível localização de cada um estabelecimento, é da Fazenda Eucalipto, de propriedade do autor da placa. Cícero Pereira fez questão de colocar junto o nome da filha Anita Colpo Pereira, para chamar atenção sobre sucessão familiar. A pequena sempre quando pode ajuda o pai na fazenda e já criou raízes no campo, afirma Pereira.
“Fiz o que pude para não descontentar ninguém. Fui o mais humilde o possível. O meu nome deixei em letras bem pequenas até porque sou o mais pobre do corredor e também por causa dos cobrador não me acharem”, diverte-se Cícero.
“Tivemos uma grata surpresa no nosso corredor Maneco Pereira no Rincão que ganhou uma placa identificando esse recanto do nosso querido Alegrete”, elogiou Márcia Fabres em sua rede social com a foto da placa.
“Obrigado Cícero, neto do nosso saudoso Maneco Pereira que dá nome ao nosso corredor”destacou outra produtora rural.
“Que coisa boa quando alguém  toma iniciativa e lembra dos demais. Faz tempo que não vou no meu baita chão, mas fiquei muito feliz por ter minha família recordada mesmo que numa simples placa. Obrigada Cícero”, escreveu Rejane Moretto em seu perfil no facebook.
O produtor diz que apenas fez algo importante para o município, principalmente para o interior do Alegrete. Ele critica que muitas vezes apenas uma placa indica a fazenda, mas dando nome aos corredores poucas têm. Como não tem facebook, o produtor rural ficou impressionado com a quantidade de mensagens que recebeu durante o final de semana.
A ideia já despertou os políticos do município. A placa no corredor Maneco Pereira pode ser o início de identificação de muitos corredores nos fundos dos rincões da 3 Capital Farroupilha.
Júlio Cesar Santos                                     Fotos: Reprodução
Compartilhe
  • 1.2K
  •  
  •  
  •  
  •  
    1.2K
    Shares
Curta nossa Fan Page

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*