Quem é a escritora gaúcha que caiu nas graças de Luis Fernando Verissimo

Claudia Tajes foi citada por Verissimo como uma das escritoras que ele tem lido atualmente, assim como os contos de Clarice Lispector

— É o melhor dia da minha vida — contou à coluna a escritora Claudia Tajes depois de ter sido citada pelo escritor Luis Fernando Verissimo como uma de suas leituras atuais, ao lado de nomes como Clarice Lispector. A citação veio em entrevista ao jornal O Globo, publicada no domingo (21) em que Veríssimo fala também sobre as redes sociais, feminismo e o governo de Jair Bolsonaro.

Questionado sobre quem são os escritores que tem lido atualmente, Verissimo informou: “Tenho lido pouco por prazer, mas com algumas escapadas para respirar, como os ensaios do italiano Roberto Calasso. Não posso deixar de citar os contos sempre relidos da Clarice Lispector. Das mais novas, gosto bastante da Claudia Tajes”.

Claudia, que também é colunista da Revista Donna, dividiu com a coluna como ficou sabendo da menção de Verissimo ao seu trabalho.

— Eu acordei cedinho pra escrever (que estou devendo trabalho para todos os meios e gentes) e outra amiga do Rio mandou uma foto da entrevista desejando Feliz Páscoa. Mas eu pensei que fosse 1° de abril! — contou, aos risos.

Essa foi apenas uma das mensagens recebidas pela gaúcha no domingo, em referência à fala de Verissimo. Foram vários recados disparados por pessoas que ficaram felizes com o reconhecimento da amiga.

Claudia, que é gaúcha de Porto Alegre, estrou na literatura nos anos 2000 e tem reconhecido trabalho na área, com milhares de exemplares vendidos. Em seus textos costuma trazer personagens divertidíssimas (Dez quase amores; A vida sexual da mulher feia), algumas de suas obras inspiraram séries de televisão e em projeto recente assina a peça Fui! A Peça da Separaçãoque retrata as dificuldades do término do relacionamento entre Rick (Leonardo Barison) e Dani (Eduardo Mendonça), que se reencontram para desfiar as mágoas. 

Questionada pela coluna se pretende escrever, em agradecimento a Luis Fernando Verissimo, ela brinca:

— Eu estou com o e-mail de agradecimento pronto, mas cada vez que vou mandar, penso melhor e seguro. Tudo que eu digo parece tão trouxa. Escrever para o Luis Fernando Veríssimo, mesmo para agradecer, é uma responsa! — explicou.

Fonte: Gaúcha/ZH

Compartilhe
  • 12
  •  
  •  
  •  
  •  
    12
    Shares

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*