“Vai ser difícil entrar na casa e não ver eles’, diz nora de casal morto em acidente no Noroeste do RS


No total, cinco pessoas, entre as quais um menino de 9 anos, morreram em colisão frontal, no último sábado (12), na ERS-233. Nesta segunda-feira (14), a escola onde a criança estudava não teve aulas.

Os cinco mortos em uma colisão frontal na ERS-233, entre as cidades de Cruz Alta e Ibirubá, Noroeste do Rio Grande do Sul, foram sepultados na manhã desta segunda-feira (14) em Passo Fundo. Durante o velório, iniciado no domingo (13), os familiares prestaram as últimas homenagens às vítimas, todas da mesma família.

‘Vai ser difícil entrar na casa e não ver eles’, diz Viviane Tessaro Silva, nora de Regina Aparecida de Lima e Ângelo Alves Corrêa, ambos de 50 anos.

Junto com eles no carro viajava outro casal, Dirceu Alves Corrêa, 59 anos, e Isaltina Rosa de Lima, 53 anos. Dirceu era irmão de Ângelo, e Isaltina, irmã de Regina. Eles levavam ainda Matheus de Lima Caciamani, de 9 anos, neto de Dirceu e Isaltina.

A família voltava de uma formatura de um familiar, no Exército, em Alegrete, na Fronteira Oeste, no último sábado (12), quando o veículo em que estava colidiu contra um caminhão, com placas de Sapucaia do Sul, Região Metropolitana de Porto Alegre. O trecho onde aconteceu o acidente é conhecido como “Curva da Morte”, devido ao alto número de acidentes fatais.

“A gente não tem palavras para expressar essa dor. O meu esposo perdeu os pais, os tios e o afilhado”, resume Viviane. Segundo ela, toda a família estava muito feliz naquele dia, em função da comemoração da formatura. O seu marido, filho de um casal vítima do acidente, presenciou a colisão, pois também viajava pela mesma estrada, em outro veículo. Os corpos foram velados no CTG Moacir da Motta Fortes.

Escola em luto

A escola em que Matheus estudava, Ernesto Tochetto, em Passo Fundo, estará fechada nesta segunda-feira (14), em luto pela morte do menino. A coordenadora pedagógica do colégio, Carla Luisa Vicenzi, lamenta a perda.

“O que que está acontecendo com essa violência no trânsito? São cinco vidas saindo do nosso convívio.”

Imagens de câmeras serão analisadas

O caminhão em que o Ford Focus da família colidiu possui câmeras de segurança. Segundo a Polícia Civil, as imagens serão analisadas para esclarecer as circunstâncias do acidente.

O motorista do caminhão não sofreu ferimentos, mas foi encaminhado ao hospital em estado de choque.

Fonte: G1

 

Compartilhar

Curta nossa Fan Page

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.


*